Uma mulher deu entrada no hospital com a placenta em mãos dentro de uma sacola

A Polícia Civil investiga o caso de um recém-nascido que foi encontrado morto dentro de um saco plástico na cidade de Rio do Oeste. O corpo estava enrolado em um pano em um terreno baldio.

Uma mulher deu entrada no hospital com a placenta em mãos dentro de uma sacola. Imediatamente as equipes do hospital entraram em contato com a Polícia Civil informando um caso de possível aborto e segundo a mãe relatou ao delegado que a criança nasceu morta.

Diante dos fatos a mulher foi conduzida a Delegacia de Polícia para os procedimentos cabíveis, onde prestou depoimento e pagou uma fiança e aguarda em liberdade a conclusão do inquérito policial.

Fonte: ClicSC