São João Batista, capital catarinense do calçado, teve um sábado especial. Com a presença do governador Carlos Moisés, o município inaugurou a nova Escola de Educação Básica Darci de Brito Maurici, na comunidade Timbezinho, e a Creche Municipal Nely Baltazar Crispim, do distrito de Tigipió. O ato, no Salão Paroquial da Igreja Matriz, também foi marcado pelas entregas das  obras de reconstrução de quatro pontes no interior. Ainda foi firmado convênio de R$ 100 mil para custeio e manutenção dos serviços do Hospital Monsenhor José Locks. Os recursos do Governo do Estado somam cerca de R$ 3,3 milhões.

“São investimentos importantes. É o governo presente nas cidades, no movimento mais municipalista da história de Santa Catarina. Em São João Batista, principal polo calçadista do estado, não poderia ser diferente. Olhamos para todos os municípios, pois é neles que as pessoas vivem, criam seus filhos, geram oportunidades, emprego e renda. Hoje aqui é mais um exemplo de parceria com as cidades que é possível e dá certo, trazendo muitos benefícios para a população. Estamos ajudando a fazer as mudanças que Santa Catarina precisa”, disse o governador, recebido com festa pela comunidade.

O prefeito Pedro Alfredo Ramos agradeceu ao governador pelo atendimento e atenção que o município  recebe do Governo do Estado, o que está permitindo que a cidade se desenvolva ainda mais. “É um dia especial e de muita alegria. Ainda temos muitas outras obras acontecendo, ao todo são mais de R$ 26 milhões em investimentos nestes últimos anos e agora, tem mais o Plano 1000, com R$ 39 milhões. Um marco para o desenvolvimento. Para isso contamos sempre com o apoio do governador Carlos Moisés e deputados. A palavra é gratidão.”

Comunidade comemora

Moradora Teresa Ferreira 

Marinice Souza Ramos, moradora do Timbezinho e mãe da Sarah, de 6 anos, relatou que a filha estudava em um bairro próximo, e agora irá para o educandário que fica a poucos metros de sua casa. “Estamos felizes com essa conquista para nossa comunidade. Com ela estudando perto de casa tudo fica mais fácil e acessível. A escola é linda e com certeza a será muito bem aproveitada por todos.”

Hamilton Baltazar, morador da comunidade  da Arataca, enfatizou os investimentos garantem mais qualidade para a educação e as pontes facilidade nos deslocamentos. “Para o nosso bairro, nosso município, é um reconhecimento. Só temos a agradecer.”

“A ponte aqui do distrito de Canudos é muito importante para nós. É o nosso acesso. A antiga estrutura foi levada pela enxurrada, o que causou muitos transtornos para a comunidade. Hoje o dia é de agradecimento. Agora contamos com uma ponte de muita qualidade”, relatou a moradora de Canudos, Teresa Ferreira.

A nova escola

A inauguração da Escola de Educação Básica Darci de Brito Maurici é a concretização de um antigo sonho da comunidade do Timbezinho. O bairro apesar do grande número de habitantes, não tinha escola. Os estudantes precisavam se deslocar para unidades da redondeza.

A unidade terá capacidade para atender 300 estudantes do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental. O investimento foi de R$ 2,5 milhões, sendo R$ R$ 1,6 milhão de recursos do Estado.

Também está em andamento, com recursos estaduais, a construção de uma quadra de esportes anexa à escola. O nome do educandário é uma homenagem a Darci de Brito Maurici – professora, compositora e escritora -, autora do hino do município de São João Batista.

A nova creche

A Creche Municipal Nely Baltazar Crispim também atende uma antiga reivindicação da comunidade. É a primeira a ser instalada no interior de São João Batista. A unidade, que tem capacidade para atender 60 crianças, teve investimento de R$ 762 mil, sendo a totalidade dos recursos repassados pelo Governo do Estado.

O nome faz homenagem à Nely Baltazar Crispim, que trabalhou por mais de 30 anos como merendeira no município. Anexa à creche também está sendo construída a quadra esportiva coberta do Tigipió, com recursos do Executivo estadual.

Pontes

As pontes reconstruídas estão localizadas nas comunidades de Arataca – Antônio Manoel Peixer, Andre Amaro Zunino e  Aldoino Visentainer; e no Canudos – José Josino Filho.

O trabalho conjunto, entre o município e o Governo do Estado, deu condições para que as pontes danificadas pelas enxurradas fossem reconstruídas, com maior largura e extensão em relação as estruturas originais. A Defesa Civil de Santa Catarina disponibilizou kits de transposição, enquanto a prefeitura foi responsável pelas cabeceiras. O investimento total foi de mais de R$ 1,2 milhão, sendo R$ 866 mil de recursos provenientes do Estado. As pontes receberam nomes de personalidades que ajudaram a construir a história de São João Batista.

Presenças

O ato em São João Batista também teve a presença dos deputados federal, Rogério Peninha Mendonça, estaduais Jerry Comper, Coronel Mocellin e Luiz Fernando Vampiro, além de secretários de estado, prefeitos das regiões, outras autoridades e comunidade.