Alunos do 5º ano da Escola Básica Municipal Olinda Peixoto, localizada no bairro Jardim Dourado, em Porto Belo, escreveram cartas de gratidão, que foram entregues aos profissionais de saúde da Unidade Básica Varlinda Neckel de Souza, que atendem os moradores do bairro. O objetivo foi agradecer a dedicação da equipe neste período de pandemia, gerada pelo coronavírus, enquanto estão atuando na linha de frente e arriscando suas vidas para cuidar a população.

A ideia partiu da Gestão da escola e teve a participação dos alunos que estudam nos quintos anos, sob orientação das professoras Anna Michela Tiedemann França (matutino) e Elizandra Dalcin (vespertino). Além de entender sentimentos como gratidão e solidariedade, os alunos puderam exercitar o gênero textual carta.

Duas das servidoras da Unidade de Saúde do Jardim Dourado, Jacqueline Polidoro e Andrezza Moraes destacam que as cartas eram exatamente o que toda a equipe precisava naquele momento e que a palavra gratidão resume o que os profissionais sentiram com este gesto. “Receber esta homenagem nos dá força e ânimo para seguirmos em nossa luta diária. Uma demonstração de amor e carinho, tão necessária neste momento de afastamento que estamos vivendo. Que estas crianças cresçam com a esperança de um mundo melhor” – comentam. As servidoras ainda destacam que as cartas confortaram o coração de todos. “Realmente os nossos dias não são fáceis. Essa pandemia tirou nosso sorriso, e realmente achamos que Deus nos abençoou hoje através destas crianças” – completam.

As cartas foram escritas em casa pelos alunos, que estão afastados da escola e entregues junto com as demais tarefas às gestoras da escola, que foram realizar a entrega aos profissionais de saúde do bairro.