Mais da metade das unidades prejudicadas já foram recuperadas

O Município de Itajaí recuperou mais da metade das unidades de ensino atingidas pelo ciclone que atingiu todo o estado de Santa Catarina. Desde o dia seguinte ao fenômeno natural, a Secretaria Municipal de Educação organiza uma força-tarefa para reaver todas as estruturas danificadas. Um investimento de mais de R$ 50 mil nos últimos 30 dias já recuperou 19 unidades (confira abaixo a lista).

No dia seguinte à passagem do ciclone, um relatório da Secretaria de Educação apontou 30 unidades atingidas. Foram 17 escolas ou grupos escolares, 11 centros de educação infantil e dois centros de educação em tempo integral avariados. Os estragos foram desde destelhamentos até danos em cumeeiras, muros, portões, forros, calhas e rufos, além de alguns casos de infiltrações.

De acordo com a Diretoria de Infraestrutura Escolar, as demais unidades educacionais estão com as obras em andamento, algumas aguardam apenas a compra de material de infraestrutura. A previsão é a recuperação completa até o mês de agosto.

As unidades já recuperadas são:
1 – Escola Básica Gaspar da Costa Moraes: 02 telhas, 05 cumeeiras, 10 folhas de forro.
2 – Escola Básica Prefeito Alberto Werner: 16 telhas, 02 cumeeiras.
3 – Escola de Campo Maria do Carmo Vieira: 50 telhas portuguesas de barro.
4 – Escola Básica Professora Judith Duarte de Oliveira: 01 telha, 10 cumeeiras.
5 – Grupo Escolar Jorge Domingos Gonzaga: 06 telhas, 12 cumeeiras.
6 – Escola Isolada Duque de Caxias: 30 telhas, 15 cumeeiras.
7 – Escola Básica João Duarte: Recolocar cobertura de policarbonato.
8 – Escola Básica Mar. Olímpio Falconieri da Cunha: 21 folhas de forro, 06 cumeeiras.
9 – CEDIN Emílio Gazaniga: 21 telhas, 06 cumeeiras.
10 – Escola Básica João Paulo II: 40 telhas.
11- Escola Básica Maria Rosa Heleno Schulte: 200 telhas, 15 metros de calhas e 15 metros de rufos.
12 – CEI Tancredo Neves: 30 telhas.
13 – CEI Neusa Reis: 09 telhas.
14 – CEI João Victorino: 03 telhas, 10 telhas de barro, cinco metros de calhas.
15 – CEI Luiz Gonzaga: 02 telhas e três metros de calhas.
16 – CEI Rosana Aparecida de Souza: 21 metros de rufo.
17 – CEI Henrique Marques: 25 telhas, cinco metros de calha e sete metros de rufo.
18 – CEI Manoel Ferreira de Miranda: 26 telhas.
19 – CEI Mariana Graciola: 80 telhas.

As obras em andamento:
1 – Escola Básica Pedro Paulo Rebello.
2 – Escola Básica Professora Maria Dutra Gomes.
3 – Escola Básica Professora Edy Vieira W. Rothbarth.
4 – Escola Básica Professora Maria José Hulse Peixoto.
5 – Centro Escolar Pedro Rizzi.
6 – Escola Básica Arnaldo Brandão.
7 – Escola Básica José de Anchieta.
8 – CEDIN Lucy Canziani.
9 – CEI Padre Pivatto.
10 – CEI Valdemir de Souza.
11 – CEI Rosimery Klock.