Depois de iniciar a semana com uma nova bateria de testes para Covid-19 nos atletas do grupo principal e com atividades no CT da Água Amarela, a terça-feira (16) do Verdão foi de reencontro com a Arena Condá. Desde o retorno dos treinos presenciais, os trabalhos de hoje foram os primeiros a acontecer no palco de tantas glórias do clube. De volta à casa, o técnico Umberto Louzer falou sobre o aproveitamento dos treinos. “Levando em consideração ao cenário, todo esse contexto, a nossa avaliação quanto a retomada das atividades é a melhor possível. Muito em função do engajamento que os atletas têm tido no nosso dia-a-dia de trabalho”. 

Além de exaltar o comprometimento do grupo alviverde, Louzer falou sobre a formação do elenco, de um modo geral, e sobre como o clube tem se portado em relação a novas negociações. “Eu gosto de valorizar e olhar sempre o que a gente tem em mãos. Olhar pra dentro da nossa casa, valorizar o que a gente tem. É claro que quem trabalha no futebol tem que estar atento ao mercado, a todas as movimentações e oportunidades que possam surgir. Eu tenho certeza que se houver alguma oportunidade boa de negócio, o clube vai fazer pra trazer atletas que vão agregar e acrescentar valor à Chapecoense, para que o time possa atingir os objetivos ao longo da temporada”. 

Com a data do retorno do Campeonato Catarinense definida, o comandante alviverde falou sobre a forma como o time está sendo configurado e sobre o que a torcida pode esperar quando a bola voltar a rolar. “A ideia é ter uma equipe bem equilibrada em todos os setores. A maneira como o Umberto enxerga o futebol e gosta de ver as suas equipes atuando é jogando para frente, buscando do início ao fim o gol adversário, busca o resultado de vitória. A ideia, também, é ter uma equipe muito competitiva. É nisso que eu acredito e é isso que o torcedor gosta de ver. É em busca disso que a gente tem trabalhado diariamente”.

Por fim, Louzer exaltou o treino na Arena Condá e afirmou a importância de estar familiarizado com o estádio – principalmente porque o primeiro jogo da Chapecoense após o retorno será o clássico contra o Avaí em Chapecó. “Treinar na Arena é muito bom. É muito importante, haja visto que se a gente pegar o histórico de jogos dentro de casa a Chapecoense sempre obteve resultados expressivos. Então, quanto mais nos familiarizarmos a esse ambiente, será melhor para que possamos obter vantagem nos jogos que teremos ao longo da temporada”.

Por Alessandra Seidel