Fotos: Arquivo Secom e Divulgação /PMSC

Forças de Segurança de Santa Catarina unem esforços para proteger mulheres contra violência

Inicia-se em 1º de março de 2024 a Operação Átria, uma iniciativa conjunta da Polícia Militar (PMSC) e Polícia Civil de Santa Catarina (PCSC) para prevenir e combater a violência contra a mulher. Esta operação, que se estenderá até o final do mês, visa fortalecer a segurança feminina através de ações ostensivas.

Durante a Operação Átria, a PMSC concentrará seus esforços no atendimento de emergências, visitas preventivas às vítimas registradas no Programa Rede Catarina, bem como no registro e atendimento de novos casos de violência contra mulheres.

Coordenada pela Secretaria de Operações Integradas do Ministério da Justiça e Segurança Pública, com o apoio de várias entidades governamentais, a Operação Átria conta com a participação ativa da Polícia Militar de Santa Catarina na execução das ações.

Para denunciar casos de violência contra a mulher, a população pode utilizar o número 180, além do aplicativo Direitos Humanos Brasil e a página da Ouvidoria Nacional de Direitos Humanos. Em caso de urgência, os números 197 (Polícia Civil) e 190 (Polícia Militar) também estão disponíveis 24 horas por dia.

O delegado-geral da PCSC, Ulisses Gabriel, ressaltou a importância da prevenção e combate à violência contra a mulher, destacando que essa é uma das prioridades da instituição. Ele enfatizou que diversas operações serão realizadas ao longo do mês de março, incluindo uma grande ação em Joinville para agilizar os procedimentos relacionados a violência doméstica contra mulheres.

Além disso, Ulisses Gabriel anunciou que em maio ocorrerá outra operação focada na violência contra crianças e adolescentes, visando reforçar a segurança em Criciúma.